Não seja patético!

Não seja patético!

Não seja patético!

“É embaraçoso lutar com um homem que só está preparado para derrotas.”
(Seneca)

Já sabemos que os homens, querendo seduzir as mulheres e experimentando ao longo do tempo várias estratégias de “luta”, acabam criando um determinado padrão comportamental em relação a esse caso, e se acontece que esse cliché tem tido sucesso antes, então com certeza que eles vão usá-lo rotineiramente, para com qualquer tipo de mulher que queiram seduzir. Infelizmente (por eles), quando se trata de acompanhantes, as coisas são um pouco diferentes. Por definição, elas tratam qualquer relação emocional como um simples trabalho e é muito raro que elas permitam que algum cliente veja para além da sua “máscara” profisional.

Esse tipo de abordagem das interacções emocionais humanas, rende elas mais duras, mais incisivas e, claro, mais difícil de “atrair” a nível sentimental. A experiência adquirida ao longo do tempo dá-lhes a oportunidade de conhecer muitos dos truques dos homens ou simplismente de desenvolver de forma instintiva uma relativa imunidade contra eles.

Geralmente as mulheres sabem muito bem o que elas querem e se além do mais escolheram o caminho de uma vida relativamente livre, que abunda em erotismo, sensualidade e dinheiro, então é difícil que possam ser convencidas de que é “agradável” ou “moral” esperar obedientemente o marido em casa.

Portanto, sugerimos algumas dicas a ser seguidas quando você decidir encontrar uma profissional. Isso para evitar de ser ridículo ou ainda pior... para evitar que a sua presença seja desagradável, hilariante ou ridícula:

01.-Quando ligar para uma acompanhante, não insista a cada 5 minutos pensando que eventualmente vai convencê-la a atender. Você tem que entender que, em princípio, ela tem todo o interesse em atender às chamadas que receber, mas naquela altura talvez esteja mesmo ocupada... Insistir ou ser teimoso pode convencê-la a guardar o seu número na agenda do seu telefone, na lista de pessoas que ligam e cujas chamadas não vão jamais responder, ou mais eficaz ainda, bloquear o seu acesso para ter certeza que você não voltará a incomodá-la.

02.-Não se envolva em conversas académicas sobre as suas paixões, conhecimentos, riqueza ou profissão, considerando que você será percebido como uma personagem simpática ou pelo menos fascinante. As acompanhantes detestam as conversas sem finalidade. E afinal elas não estão aí como operadoras de um call center para homens frustrados. Você deve entender que a profissão que elas escolheram faz com que estejam mais interessadas em coisas concretas e imediatas, e as “histórias” além de ser aborrecidas, ocupam a linha telefónica para os outros potenciais clientes que querem ligar para ela naquele momento. A próxima vez que você ligar, tem todas as chances de ser recusado rapidamente (com as eventuais desculpas).

03.-Não se gabe de ser aquilo que não é e nem será... As mulheres que trabalham nessa profissão têm um forte sentimento de “cheirar” o dinheiro, bem-estar ou as possibilidades reais de um homem. Quando realizarem que você está blefando, vão tratá-lo com muita dureza e sarcasmo.

04.-Não faça pedidos de casamento para as acompanhantes, apenas porque teve a impressão que vocês se deram muito bem ou porque elas atraem você fisicamente. O casamento ou qualquer outro compromisso a longo prazo, é exactamente aquilo que estas mulheres não querem e provavelmente você também não... sobretudo depois de você ter imaginado inteiramente o “filme” real de um projecto assim arriscado.

05.-Não beba álcool em excesso para ganhar coragem ou pensando que vai ser mais “ágil” na intimidade. É apenas uma ilusão e claro, vai dar lugar a situações pelo menos hilariantes, se não mesmo embaraçosas.

06.-Pague no início a tarifa acordada. Esta é uma regra quase lendária, portanto... esteja certo que não será você a mudar isso!

07.-Não prometa coisas que não pode ou são sabe se será capaz de realizar. As acompanhantes vão lembrar-se disso e se decepcioná-las, é muito possível que vai ficar fora da lista dos clients interessantes.

08.-Não se gabe do seu aspecto físico, os tamanhos ou a “resistência” do seu órgão sexual, nem envie mensagens com promessas de momentos de êxtase ou prestações sexuais excepcionais. Nem que seja por um segundo, se considerar que as acompanhantes são interessadas nisso, está errado de uma forma muito engraçada. Estes seres têm pelo menos 2-5 clientes por dia, e pelo menos um deles tem um aspecto muito bonito, também nas calças! Geralmente, as garotas divirtem-se muito com esses “fanfarrões”, pois justamente na mente delas surge a pergunta: “Mas se realmente for tão equipado e potente, por que é que liga para as acompanhantes... por que as meninas não o procuram desesperadamente?”.

09.-Não sonhe com obter algo grátis se prometer as acompanhantes momentos de cunilingus. De qualquer jeito, 90% dos seus clientes usam a sua língua durante o acto sexual... e não fazem isso para falar sussurros ou palavras de admiração. Talvez seja difícil de acreditar, mas as coisas estão assim mesmo.

10.-Nunca peça para as acompanhantes por que foi que não escolheram outra profissão, sugerindo que são bonitas e inteligentes demais para ser “usadas” pelos homens! Vai demostrar uma hipocrisia patética. Pois, você está diante delas para “usá-las”. E com certeza que não vai reprimir os seus desejos, cheio de remorsos ou ideias moralizantes! E se fizer estas observações depois... será ainda mais ridículas.